quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Federal cumpre Mandado de Prisão Preventiva em desfavor de um policial militar

A Polícia Federal em Pernambuco, através de policiais lotados na DELINST-Delegacia de Defesa Institucional prenderam, ontem, dia 14.08.2013 por força de Mandado de Prisão, expedido pelo Juízo Eleitoral da 73ª Zona de Alhandra/PB, o Cabo da Polícia Militar lotado no 12º - Batalhão da Polícia Militar e réu no processo, IVAN JOSÉ DE AZEVEDO SILVA, brasileiro, casado, 49 anos, natural de Recife/PE.
 De posse do Mandado de Prisão preventiva e sabendo de que o militar era lotado no 12º Batalhão de Polícia Militar localizado no bairro da várzea os policiais federais informaram ao comandante do batalhão sobre o cumprimento da prisão e ao comparecer ao serviço foi cientificado da prisão pelo próprio coronel da corporação e, em seguida, após fazer exame de corpo de delito foi levado para o – Centro de Reeducação-CREED devidamente escoltado por policiais militares e policiais federais.

Ao chegar no CREED os federais entregaram o ofício de encaminhamento do preso e também comunicaram sua prisão a corregedoria geral da Secretaria de Defesa Social-SDS para que fossem tomadas as medidas cabíveis. O Militar responde pela prática de crime constante no artigo 289 do Código Eleitoral em virtude de inscrever-se fraudulentamente como eleitor, cuja prática delituosa prevê pena de até cinco anos de reclusão. Em virtude de não ter comparecido a nenhuma audiência no estado da Paraíba, seu processo foi julgado à revelia, motivo pelo qual foi decretada sua respectiva prisão preventiva pelo Juiz Eleitoral de Alhandra/PB no dia 04.03.2011.

Fonte: Comunicação Social SR-PE

Nenhum comentário :

Postar um comentário