domingo, 3 de março de 2013

Bar e Restaurante do Centro de Garanhuns Expulsa Cliente de Dentro do Estabelecimento

Na noite de ontem sábado (02), um cliente de nome José Vasconcelos, morador da cidade de Jaboatão dos Guararapes, foi até um Bar e Restaurante no centro de Garanhuns jantar. O mesmo estava com seu filho sentado a mesa, quando adentrou ao restaurante, um cidadão de 50 anos de idade e pediu-lhe comida, o denunciante mandou que ele senta-se a mesa, pois todos jantariam juntos.  Momentos após um garçom veio até a mesa e pediu  que o pedinte se retira-se. José Vasconcelos disse ao garçom que ele era seu convidado e que jantaria com ele e que pagaria a conta, o  Garçom insistiu e disse que o senhor teria que se retirar do estabelecimento.

O cliente José Vasconcelos se retirou do Restaurante juntamente com o senhor e foi até uma lanchonete onde foi bem atendido, pagou um lanche para o mesmo e em seguida foi até a 18ª DESEC e registrou um Boletim de Ocorrência contra o Estabelecimento Comercial.

Na Delegacia Regional de Polícia Civil ele apresentou a vítima que disse ser da cidade de Bom Conselho. O cidadão disse para autoridade de policial, que estava indignado com o fato ocorrido, pois o senhor estava bem vestido e entrou no estabelecimento com educaçao e não estava sujo.

O Delegado de plantao aceitou a denuncia e registrou como Recusa de Prestação de Serviço ou Venda, e vai apura o fato.

O fato gerou certa indignação as pessoas que estavam presentes naquela delegacia e elogiaram a atitude do cidadao José Vasconcelos.

30 comentários :

  1. muito boa essa atitude parabens,temos nossos, direitos,e nao vamos deixar que qualquer porcaria que precisa da gente que somos comsumidor para viver tire. pabens mesmo

    ResponderExcluir
  2. O dia mais belo? Hoje. A coisa mais fácil? Errar. O maior obstáculo? O medo. O maior erro? O abandono. A distração mais bela o trabalho. A pior derrota? O desânimo. Os melhores professores? As crianças. A primeira necessidade? Comunicar-se. O pior sentimento? O rancor. O mais belo presente? O perdão. A sensação mais agradável? Paz interior. A força mais poderosa do mundo? A fé. A mais bela de todas as coisas? O amor.
    Vá a justiça,processo,não deixe em branco.
    A Impunidade é o maior silêncio.

    ResponderExcluir
  3. se possivel digam o nome do restaurante... pois ja fui mal atendida num restaurante do centro da cidade.

    ResponderExcluir
  4. Roupa não define carater de ninguém.
    E como já dizia o pensador Albert Einstein "Triste época! É mais fácil desintegrar um átomo do que um preconceito."
    O preconceito é o filho da ignorância.

    ResponderExcluir
  5. qual o nome desse restaurante para agente nao frequentar mais que preconceito ridiculo

    ResponderExcluir
  6. Isso e uma vergonha para o povo de garanhuns era bom que fosse divulgado o nome deste estabelecimento, para assim seus clientes tivessem conhecimento do tipo de local estão frequentando.

    ResponderExcluir
  7. Parabéns ao prezado José Vasconcelos...
    Precisamos seguir exemplos como esse.
    E punir aqueles que não tem respeito ao próximo, seja de qualquer profissão ou sem!

    ResponderExcluir
  8. Prabens, todos nós devemos seguir esse bom exemplo do Sr. José Vasconcelo. Tem gente que pensa que o mundo é só pra ele! Preconceito é crime e tem que ser denunciado mesmo...

    ResponderExcluir
  9. estou aqui indgnado com este proprietario que deu a missao ao garçon para retirar a pessoa da mesa este restaurante deste cidadao que e muito conhecido nesta cidade,faz sempre isso nao tem a mesma coragem que tevi esta pessoa de dar um prato de comida por isso que quase nao tem movimento neste lugar fez muito bem em fazer esta ocorrencia na 18 desec peça indenizaçao para ele esboça do bolso parabens pela atitude jose vasconcelos justiça para este restaurante.

    ResponderExcluir
  10. VOCÊS DEVERIAM PELO MENOS DIVULGAR O BAIRRO OU A RUA DO RESTAURANTE QUE PARA SE DEFENDER DESSES IGNORANTES...PARABÉNS PELA ATITUDE DO CIDADÃO DE JABOATÃO DOS GUARARAPES.

    ResponderExcluir
  11. é para denucia mesmo é bem feito o coisa boaissso é gente que que ser as merdas empresario que imagina ser alguma coisa essa pesoa deveria lembrar-se q deus foi a uma pessoa pedi comida e foi negado por ela não é ja na porta seguinte foi acolhido pensa nisso empreario ou empresaria seja humilde.

    ResponderExcluir
  12. Parabéns para esse cliente pela humanidade que ele tem, pois todos nós somos iguais aos olhos de Deus e de quem tem bom coração!!!

    ResponderExcluir
  13. Parabéns ao cidadão Sr. José Vasconcelos, que além de fazer uma boa ação teve coragem de denunciar o preconceito e discriminação feito pelo restaurante. Só lamento o nome deste estabelecimento não ser divulgado para assim podermos boicotar este local. O blog deveria aproveitar a ocasião e divulgar.

    ResponderExcluir
  14. Gostaríamos de saber qual o estabelecimento. A atitude do estabelecimento não merece 'ética de imagem' com o local do atendimento por parte desse site. Pois esse tipo de recusa em atender a um cliente (rico ou pobre, mal ou bem vestido) é uma atitude preconceituosa e todos de Garanhuns precisam saber o nome do estabelecimento. Sempre estou antenada nas notícias desse site e espero transparência por parte de vocês em esclarecerem essa notícia, que para ser completa, faltou o nome do estabelecimento. A população de Garanhuns e região agradece a atenção!

    ResponderExcluir
  15. Parabéns ao Sr, José Vasconcelos. Que belo exemplo para a sociedade e que atitude vergonhosa e nociva dos donos do restaurante. Não devemos agir com os mais humildes... Lembrem-se dos castigos de Jó.

    ResponderExcluir
  16. CONHEÇO PESSOAS QUE USAM NO PÉ TÊNIS DE R$ 699,00 CAMISA DE R$ 200,00 CORDÃO DE OURO DE R$ 800,00 CEREBRO DE R$ 0,01 HUMILDADE DE R$ 0,06 ´POSTURA DE R$ 0,10
    NINGUÉM É O QUE VESTE MUITO MENOS O QUE TEM ESSE PESSOAL DO RESTAURANTE FOI RIDICULO O QUE ELES FIZERAM DEVERIAM DIVULGAR O NOME PARA TDOS SABEREM DE Q RESTAURANTE SE TRATA.

    ResponderExcluir
  17. vc esta de parabéns vasconcelos pois se fosse gugu ele pensaria duas veses antes de agir assim acho que temos dereitos o dinheiro dele é o mesmo seu processe esse restalrante parabens por sua atitude,,,,....,,,....

    ResponderExcluir
  18. Parabéns pela a sua atitude Sr.José vasconcelos é um exemplo para a sociedade e uma vergonha pra o dono do estabelecimento q mundo é esse nós estamos será q uma pessoa humilde ñ pode mais frequentar um restaurante por acaso tem dizendo na testa q vc é tem dinheiro ou não isso é uma grande vergonha...Deus ver tudo isso e lá na frente vc será cobrado...

    ResponderExcluir
  19. Garanhuns é uma cidade de aparencia! terra de gente que quer ter o que não tem e ser o que não é! já é histórico isso.

    ResponderExcluir
  20. Que atitude essa dos dois cidadãos! Um, uma pessoa digna e de um grande coração. A outra? Um empresário de M...que envergonhou a cidade e a todos os cidadãos. Merece processo de injuria também, além da falta de prestação de serviços.

    ResponderExcluir
  21. Ser bem atendido em determinadas lojas de Garanhuns é praticamente milagre. Os vendedores julgam as pessoas pela capa e não se acham no direito de atender bem, até parece que não precisam do emprego e só estão trabalhando por lazer. Também gostaria de saber o nome do estabelecimento.

    ResponderExcluir
  22. As vezes é muito fácil criticar,porem não se sabe qual o motivo para essa atitude se formos ouvir ambos os lados talvez cheguemos a uma conclusão. Não é todo comerciante que tem que aceitar um mendigo ou mesmo um cliente abusando no seu estabelecimento,alguns mendigos abusam do fato de ser pobre e querem fazer o que desejam. É muito chato estarmos numa mesa de bar ou restaurante e chegar um pedinte que fica insistindo numa esmola. (até o cliente ficar chateado). Se formos dá liberdadde para essas pessoas como fica a clientela, esse assunto é uma faca de dois gume. Se é para deixar todo mendigo entrar porque a maioria dos Restaurantes tem porteiros. Sou proprietário de bar e restaurante e as vezes essas pessoas tem que serem proibidas de entrarem para que os clientes fiquem a vontade. Não sou racista e nem mesmo preconceitoso,mas, nós comerciantes temos mais é que zelar pelo nosso estabelecimentos comercial. Alguém ai em cima que criticou ou mesmo condenou essa atitude sabe bem a quem estão defendendo. Procurem saber quem é mesmo esse mendigo ou pedinte que vive abusando nas portas dos bares e restaurantes de Garanhuns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você deveria ser mais humilde, pois orgulho não leva a nada, e isso é preconceito sim, aos olh0os de Deus somos todos iguais, e não é porque você tem um pouco a mais de dinheiro que voce se torna melhor do que um mendigo não, as vezes voce precisa mais do que ele, to orando por vocÊ, que ta precisando de um milagre em sua vida,, somos todos irmãos e temos que ajudar uns aos outros e seguir o exemplo de Cristo, assim como fez o sr. José Vasconcelos!

      Excluir
  23. Amigo comerciante, concordo que todo dono de estabelecimento comercial deve zelar pelo mesmo, eu também penso como você. Mas, o que aconteceu nesse restaurante foi um abuso, um verdadeiro absurdo. Quem estava lá era eu e meu filho (eu sou o José Vasconcelos) e lhe garanto que presenciei uma cena que até hoje tira meu equilibrio e paz interior tamanha a desumanidade. Eu te pergunto: se esse pedinte fosse um parente meu? Se fosse meu tio, por exemplo? Se alguém "perturba" o ambiente preste uma queixa e peça garantias à justiça para que essa pessoa não frequente seu restaurante. Garanto ao senhor(a) que o tal "pedinte" estava bem vestido (melhor que eu até..) e apenas pediu que eu lhe pagasse uma comida. Outra coisa: eu falei para o garçon que ele chamasse o dono do bar ou o gerente e ele simplesmente respondeu "ele não não vem e esse cidadão tem que sair daqui.". Foi um absurdo sim, um abuso e uma atitude de mediocridade humana incomensuravel. Amo Garanhuns, sempre vou aí, mas coisas assim tem que acabar. Um abraço a todos

    ResponderExcluir
  24. Tenho restaurante, muitas vezes já aconteceu de clientes querer que mendigos sujos e fedorentos sentem nas mesas pra se servirem, não permito de jeito nenhum, pois a maioria dos clientes não querem fazerem suas refeições num ambiente co mau cheiro. Sugiro que esse senhor leve o tal mendigo pra sua casa dÊ refeição na sua mesa e guarida, tenho certeza que ele jamais faria isso, nem ele nem os outros que criticam,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amigo "comerciante", esse senhor ao qual você se refere estava BEM VESTIDO E LIMPO, acho que você não leu direito o post. E tem mais, se o dono do restaurante lá achasse que o "mendigo" estava sujo então ele deveria ir dar uma satisfação ao cliente "limpo", mas nem isso ele fez! É questão de educação e modos. Dinheiro nenhum no mundo compra educação, ou o sujeito tem ou não tem.

      Excluir
    2. "Tenho restaurante, muitas vezes já aconteceu de clientes querer que mendigos sujos e fedorentos sentem nas mesas pra se servirem, não permito de jeito nenhum, pois a maioria dos clientes não querem fazerem suas refeições num ambiente co mau cheiro. Sugiro que esse senhor leve o tal mendigo pra sua casa dÊ refeição na sua mesa e guarida, tenho certeza que ele jamais faria isso, nem ele nem os outros que criticam,"

      Falou mais um dono de "restaurante" que se preocupa com os clientes....

      Excluir
  25. Boa tarde à todos,

    Indicar o nome do estabelecimento para nós leitores claro que seria indispenssável nesse momento. Mais a maior relíquia desse assunto nós já tiramos, que foi o ato majestoso, dígno e misericordioso de não negar um prato de refeição a um cidadão que se umilhava e não se envergonhou em pedir, pelo contrário de muitos que acredito que morria de fome, e não baixava a cabeça para tal atitude. Além disso, também assino em baixo quando essa figura (J. Vasconcelos) teve a ousadia de dirigirsse até uma autoridade competente para levar esse caso, e vos digo em voz alta, EU FARIA MESMO! Muito boa a sua atitude meu amigo, isso é sinônimo de CARÁTER uma qualidade que se traz do berço, algo que poucos tiveram a oportunidade de desfrutar... PARABÉNS!!!

    ResponderExcluir
  26. De todos os comentários que tem a respeito da notícia apenas três reclamações onde no mínimo ou é o dono do restaurante citado ou alguém preconceituoso como ele,porque creio eu que em uma situação dessa até os que não gostam de pessoas pedindo e sujas (o que não foi o caso como o próprio envolvido afirma)devem ter ficado chocados com a situação.

    ResponderExcluir
  27. PARABÉNS PARA O CIDADÃO AGORA POR FAVOR DIGA QUE E QUE TIPO DE AMBIENTE É ESSE BAR E RESTAURANTE OU SÓ RESTAURANTE!!!OU SE É NA SANTO ANTONIO OU PRÓXIMO AO LAGAN?PARA OS DONOS DE ESTABELECIMENTO DO TIPO REALMENTE É UM INCÔMODO PESSOAS SUJAS OU FEDORENTAS PERTO DE VOCÊ,MAS....O ESTABELECIMENTO PODE OFERECER AO CIDADÃO PAGANTE UMA MARMITA DE VIAGEM PARA PEDINTE LEVAR COMIDA... FICA A IDEIA.

    ResponderExcluir