sábado, 10 de agosto de 2013

Coordenadoria da Mulher Desenvolve Ações Para as Mulheres de Angelim

O município de Angelim conta com a Coordenadoria da Mulher criada com o fim de oferecer dentro dos padrões legais assistência à mulher angelinense, possibilitando a todas um inteiro conhecimento dos seus direitos legais, usufruindo de privilégios muitas vezes desconhecidos em nosso município.

A Coordenadoria de Políticas Públicas Para as Mulheres está funcionando na Rua Sergio Loureto, 59 e é coordenada pela senhora Diva Maria Falcão Calado.
 
Coordenadora Diva Maria
O que é a Coordenadoria da Mulher?

É um órgão que traduz a compreensão de que as mulheres são atingidas pelas desigualdades sociais, mas, além e em conjunto com as questões sócio-econômicas, desigualdades de gênero e étnico-raciais. Estas são questões culturais, mas são também questões políticas, que precisam ser enfrentadas pelo  poder publico, sendo as políticas para as mulheres um instrumento de construção de justiça social e de mudanças na vida das mulheres, para o seu empoderamento e autonomia.
A coordenadoria junto com a prefeitura municipal sensível a esta realidade, tem como premissa, o desafio de garantir a implantação de políticas para as mulheres, sob a perspectiva de gênero e étnico-racial, que possam contribuir com o processo de fortalecimento da autonomia pessoal e financeira da mulher e a superação das desigualdades.

Qual o papel da Coordenadora?

Formular, coordenar e fazer articulação de políticas para mulheres de elaboração do planejamento do gênero, que contribuam na ação do governo municipal com vistas à promoção da igualdade; que organizem indicadores, articular parcerias com órgão público e privado, com movimentos de mulheres, articulem às diversas secretarias e órgão, buscando a eficácia e coerência das ações, projetos e programas governamentais de gênero.

Qual a Missão da Coordenadoria?

Promover os direitos das mulheres no município.

Público Alvo

A população feminina da zona urbana e rural.

Ações diretas em situação de violência?

Violência física, psicológica e moral;
Assédio sexual no âmbito institucional;
Violência sexual e seus decorrências no espaço da reprodução e da saúde(GRAVIDEZ, DST E AIDS);
Risco de morte;
Exploração sexual;
Tráfico de mulheres.

O que a Coordenadora oferece para proteger a mulher?

Atendimento Psicológico;
Atendimento Jurídico;
Atendimento Assistencial;
Atendimento e proteção a mulher;
Palestras sobre a saúde da mulher (Câncer do Colo do Útero e mama; DST/AIDS; Depressão).

Projetos da Coordenadoria

Nenhuma Pernambucana Sem Documento;
Centro de referência da Mulher;
Mulheres da Paz;
Mãe Coruja;
Capacitação em Rede de Atendimento;
Criação e Fortalecimento do conselho da mulher;
Apoio a iniciativas de referência nos eixos temáticos do plano nacional de políticas para a mulher;
Documentação das mulheres rurais;

O que é violência contra a Mulher?

Qualquer ação ou conduta, baseada no gênero, que cause morte, dano físico, sexual ou psicológico à mulher, tanto no âmbito público como o privado. Tal violência vai da privação e humilhação à morte, passando pelo estupro e pelo tráfico de seres humanos, e ameaças, atingindo indiretamente, diretamente, muitas mulheres em suas diversas fases da vida: na infância, na adolescência, na juventude, na maturidade e na velhice.

Nenhum comentário :

Postar um comentário