quinta-feira, 11 de julho de 2013

Manifestantes realizam bloqueios nas rodovias federais que cortam Pernambuco

Em São Caetano, o bloqueio foi feito em frente ao assentamento de terras de Santa Isabel, no quilômetro 143 na BR-232
Foto: PRF / Divulgação
As manifestações nacionais de trabalhadores programadas para esta quinta-feira (11) chegaram ao interior do Estado nesta manhã. Integrantes do Movimento Sem-Terra (MST) bloquearam as rodovias federais que cortam Pernambuco em pelo menos dez pontos diferentes. As interdições complicam o tráfego em BRs como a 232, a 101 e a 104. Devido às retenções, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) pediu que a população evitasse realizar viagens rodoviárias durante o dia.

As interdições começaram logo no início da manhã com manifestantes queimando pneus em pontos como o assentamento de terras de Santa Isabel, na cidade de São Caetano, no Agreste. O bloqueio foi feito na altura do quilômetro 143 na BR-232 e chegou ao fim pouco depois das 10h. O mesmo aconteceu na BR-428, na cidade de Belém do São Francisco, no Sertão.

Já em Salgueiro, também no Sertão, os manifestantes continuam queimando pneus no quilômetro 44 da BR-116. Além de melhorias nos direitos trabalhistas e na distribuição de terras, eles pedem que o governo asfalte a PE-460, que liga Salgueiro a Belém de São Francisco. Mais dois protestos foram realizados no Sertão: em frente ao assentamento de de Águas Belas, no quilômetro 168 da BR-423; e em Santa Maria da Boa Vista, no quilômetro 94 da BR-428.

No Agreste do Estado, as interdições foram realizadas em dois pontos distintos: quilômetro 41 da BR-104, em Caruaru; e quilômetro seis da BR-101, em Goiana. No Grande Recife, os manifestantes fecharam a BR-101 Norte na altura do quilômetro 23, em frente ao Engenho Ubu, em Itapissuma. No Litoral Sul, o tráfego ficou complicado em Ipojuca, já que as três vias de acesso a Suape foram fechadas pelos trabalhadores do Complexo no início da manhã.

PRF - Devido às manifestações e interdições de rodovias federais, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) solicitou que os motoristas evitassem viajar durante todo o dia desta quinta-feira (11). De acordo com a policial Marilene Malagodi, que faz parte da assessoria de comunicação da PRF, essa solicitação foi feita para que a integridade física dos motoristas seja mantida. "Se a pessoa tiver uma obrigação de viajar, tudo bem, mas se for uma viagem que pode ser adiada é melhor deixar para depois. Até porque essas mobilizações caminham na via e tende a se estender por horas", disse.

"Além disso, em algumas manifestações há presença de vândalos. Agora mesmo teve uma ocorrência de pessoas jogando pedras em veículos em Goiana. Então para garantir a segurança de todos é aconselhável que só façam viagens se for algo de muita necessidade. Esperamos bloqueios durante todo dia, mas a deteminação dada é que  a também pede para que o motorista comunique ao órgão qualquer irregularidade nas rodovias federais, como também qualquer nova interdição, pelo telefone 191.

Do JC Online

Nenhum comentário :

Postar um comentário