quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Lajedo: mais um preso é autuado em flagrante com base na Lei Maria da Penha

Na manhã desta quinta-feira (14), a equipe de policiais da Delegacia de Polícia Civil, recebeu denuncia de que um popular, JADEIR DA SILVA PACHECO (conhecido por Biroquinha), 32 anos, servente de pedreiro, e que residia em Lajedo a cerca de um ano, na Rua Joel Rodrigues, promovia a uma balbúrdia generalizada quebrando todos os móveis de casa, alem de ameaçar o menor A. C. S. de 15 anos, então de filho de sua companheira ANGELA CLESIA. Motivo pelo qual a equipe composta pelos comissários José Paulo Euclides, Luiz Fernandes, e o Agente Luiz Gonzaga, se dirigiu ao local e fez a observação “in loco” do que era noticiado, captando a ocorrência com toda sua materialização para apresentação dos envolvidos a autoridade policial, o Delegado Dr. ALTEMAR MAMEDE LEITE, que então decidiu-se pela Autuação em flagrante delito do conduzido JADEIR, em razão dos crimes de dano e ameaça com as considerações da Lei Maria da Penha, face a ocorrência do fato em ambiente de convivência doméstica.
   
Relatou a companheira do autuado que a cerca de 15 dias aproximadamente que acompanhava seu filho , o menor acima citado, num hospital onde se recuperava de um acidente de trânsito sofrido, motivo que desagradou ao seu companheiro que, quando de sua volta,  e sob o efeito de álcool, acabou por praticar os crimes já relatados. Na casa foram encontrados moveis e aparelhos eletrodomésticos quebrados, e várias vidrarias espalhadas pelo chão, numa cena que evidenciava violência.
   
Após a apresentação do autuado, testemunhas e vítimas na delegacia, foram todos ouvidos e o autuado, após ciência do arbitramento de sua fiança em um salário mínimo, e aduzindo não ter condições de pagar, foi recolhido a cadeia publica de Lajedo onde aguardará a disposição da justiça desta comarca.

Nenhum comentário :

Postar um comentário