quinta-feira, 9 de maio de 2013

Resultado da “Operação Bomboniere” realizada pela Polícia Federal

A Policia Federal em Pernambuco através da DRE-Delegacia de Repressão a Entorpecentes, deflagrou na manhã de hoje, dia 08.05.2013, a “OPERAÇÃO BOMBONIERE” (em virtude do nome popular “bala ou doce” dado por usuários ao ecstasy e ao LSD) com o objetivo de desarticular uma organização criminosa com base em Recife/PE e Goiânia/GO responsável pela distribuição de grande parte da substância entorpecente (drogas sintéticas: Ecstasy, e LSD bem como maconha e haxixe) consumidas principalmente em festivais de músicas eletrônicas (“raves”) nos estados de Pernambuco, Paraíba e Alagoas.
Ao todo foram utilizados 35 Policiais Federais, que cumpriram 05 (cinco) Mandados de Prisão Preventiva e 05 (cinco) Mandados de Busca e Apreensão expedidos pelo Juízo da 2ª Vara dos feitos Relativos a Entorpecentes de Recife/PE, sendo que (03) pessoas foram presas em Pernambuco, e (02) em Goiás. A droga da quadrilha era adquirida nas regiões sudeste e centro-oeste e tinha ingresso em território nacional por via aérea com a peculiaridade de haver uma grande utilização de redes sociais, e-mails e aplicativos de smartphones para sua aquisição. Os lucros auferidos com o comércio da venda dessas drogas eram investidos quase em sua totalidade pelos líderes da quadrilha em automóveis, festas e viagens para competições de surfe em Lima (Peru) e Fernando de Noronha/PE.
Marcone
José Carlos
Amaro
Rebeca
Tiago Nunes
Lucas de Paula

A operação começou a ser desenvolvida no início de fevereiro/2012 através de investigações realizadas pela DRE-Delegacia de Repressão a Entorpecentes da Polícia Federal em Pernambuco acerca da estrutura de uma organização criminosa com base em Recife/PE e Goiânia/GO voltada para o comércio de drogas sintéticas (Ecstasy e LSD) com projeções nos estados da Paraíba e Alagoas.

No decorrer das investigações 09 (nove) inquéritos foram instaurados e 11 pessoas foram presas resultando em várias apreensões de droga pertencentes a esta quadrilha (300 comprimidos de ecstasy, 12.200 pontos de LSD, 40 quilos de haxixe, 252 quilos de maconha e 02 veículos). Os policias investigaram a ação dos traficantes em festivais de músicas eletrônicas, festas “raves”, bares, boates, universidades, praias e academias, ambientes que são costumeiramente frequentados por grupos de jovens e/ou adolescentes de classe média e alta.




FORAM PRESOS EM RECIFE/PE:

1- JOSE CARLOS DA SILVEIRA PEREIRA, vulgo “carlão”, solteiro, 25 anos, natural de Recife/PE, segundo grau completo, Assessor Parlamentar, e residente no bairro Maracaípe-Ipojuca/PE.
•    Responsável pela aquisição da droga para posterior repasse a outros pequenos traficantes de festas raves;
•    Preso em um motel na Avenida Caxangá;
•    Foi autuado em flagrante por tráfico de drogas por ter sido encontrado em sua residência pequena quantidade de haxixe, 9 (nove) micro pontos de LSD e maconha e dentro do carro Citroen C4, Pallas de cor prata e placas NXV-2084 e aproximadamente 680g distribuídos em 2 tabletes de maconha e haxixe;
•    Apreendido também a importância de R$ 50.800,00(cinquenta mil e oitocentos reais) em espécie;
•    04 (quatro) aparelhos celulares;
•    03 Cheques no valor de R$ 650,00 (seiscentos e cinquenta) reais;
•    01(um) veículo Citroen C4, Pallas de cor prata e placas NXV-2084;
•    01(um) veículo Volkswagen Jetta de cor prata e placas MAL-1984;
•    Fez exame de corpo de delito e já está no COTEL;
•    Caso condenado poderá pegar penas de 5 a 15 anos de reclusão;

2- AMARO DAVI SANTOS DA SILVA, solteiro, 39 anos, natural de Recife/PE, segundo grau incompleto, vendedor e residente no bairro Caxangá-Recife/PE.
•    Responsável pela aquisição da droga para repasse a outros pequenos traficantes de festas raves;
•    Preso em sua residência na companhia de:
3- REBECA DE LIMA COELHO, solteira, 28 anos, natural de Picos/PI, terceiro grau incompleto, empresária e residente no Bairro Novo-Olinda/PE.
•    Ambos foram autuados em flagrante por tráfico de drogas e associação para o tráfico por ter sido encontrado em sua residência duas sacolas plásticas com maconha;
•    Apreendido também a importância de R$ 600,00(seiscentos reais) em espécie;
•    03 (três) aparelhos celulares;
•    03 Cheques no valor de R$ 650,00 (seiscentos e cinquenta) reais;
•    01(um) veículo Ford Fusion de cor preta e placas HIQ-9586;
•    01(um) veículo Citroen C4, Pallas de cor preta e placas KFZ-4959;
•    01(um) Veiculo Caminhonete Dodge, de placas MYA-5965;
•    01 (um) Veículo Ford/Focus de cor verde e placas GVP-5252
•    01(um) Notebook;
•    01(um) Tablet;
•    Ambos fizeram exame de corpo de delito e já estão no COTEL e Colônia Penal;
•    Caso condenado poderá pegar penas de 5 a 20 anos de reclusão;
4- MARCONES SOUZA DE LIMA, vulgo “catraca” solteiro, 32 anos, natural de Camaragibe/PE, segundo grau completo, Administrador de Redes e residente no bairro da Várzea-Recife/PE.
Responsável pelo armazenamento da droga adquirida por Amaro Davi e José Carlos
•    Responsável pela logística e estocagem da droga em sua residência;
•    Preso em sua residência no bairro da várzea; com aproximadamente 414g de maconha/haxixe;
•    Foi autuado em flagrante por tráfico de drogas por ter sido encontrado droga em sua residência;
•    03 (três) aparelhos celulares;
•    01(um) veículo Gol de cor prata e placas KLY-2993;
•    01(uma) moto Yamaha 125c de cor prata e placas PFP-7186;
•    Fez exame de corpo de delito e já está no COTEL;
•    Caso condenado poderá pegar penas de 5 a 15 anos de reclusão;

FORAM PRESOS EM GOIÂNIA/GO:

5- LUCAS DE PAULA SOUZA LEMES
•    Fornecedor de Haxixe para José Carlos e Amaro Davi
6- THIAGO NUNES NARDUCCI, vulgo “pipoca”
•    Fornecedor de Haxixe e Ecstasy, José Carlos e Amaro Davi
Durante as investigações percebeu-se a facilidade em descartar as substâncias entorpecentes em caso de abordagens policias em virtude do tamanho das substâncias e de sua fácil camuflagem aliado à grande aglomeração de pessoas nos locais em que ocorre a comercialização, também percebeu-se que na maioria das vezes os traficantes são os responsáveis diretos na inicialização de jovens e adolescentes no mundo das drogas de abuso, causando um evidente prejuízo no seio familiar e social, dificultando o desenvolvimento cognitivo desses jovens (aquisição de conhecimentos) e  na capacidade de julgamento e crítica, no relacionamento interpessoal o que ocasiona sérias consequências duradoras, persistindo na vida adulta.

Os presos após tomarem conhecimento e ciências dos respectivos Mandados de Prisão e Busca Apreensão serão informados dos seus direitos e garantias constitucionais e em seguida autuados pela prática contida nos artigos 33, 35 e 40, item “v” da Lei 11.343/06 (tráfico interestadual de entorpecentes e associação para o tráfico) e caso seja condenado poderão pegar penas que somadas ultrapassam os 20 (vinte) anos de reclusão. Após a autuação todos submeteram-se a exame de corpo de delito e em seguida foram recambiados para o COTEL – Centro de Triagem e Observação Professor Everardo Luna onde ficarão à disposição da Justiça Estadual.

Nenhum comentário :

Postar um comentário