sábado, 11 de agosto de 2012

Uma Mulher Assassinada e Outra Baleada em Bom Conselho

Márcio José dos Santos
Ana Patrícia, 18 anos, estava no Bar de Wilson que fica na Rua Professora Maria Concilia, Bairro Parmalat em Bom Conselho, por volta das 18h50, quando chegou um elemento a pé e sem motivo efetuou alguns disparos de revolver cal.38 que atingiu a vítima (Pati) na coxa esquerda. “Pati” foi socorrida para o HDM em Garanhuns.

O elemento, após os disparos no “Bar de Wilson” saiu correndo e avistou a agricultora Antônia Ferreira da Silva, 51 anos, em um orelhão efetuando uma ligação telefônica, o indivíduo efetuou alguns disparos na agricultora, que foi atingida por um tiro na região do tórax, e não resistiu aos ferimentos e faleceu no local. Ela residia na Vila Comunitária bairro Parmalat, Bom Conselho.
Arma do Crime

A Polícia Militar foi acionada e diante das informações passou a diligenciar sobre o fato e conseguiu localizar o acusado Márcio José dos Santos, 23 anos, na Rua Valdemar Urquisa nº.159, Bairro Parmalat em Bom Conselho/PE. Os policiais encontraram o elemento deitado em sua cama e o revolver de baixo dela. O revolver foi encontrado com cinco munições deflagradas e uma intacta.
Márcio disse que morava em “Ciro Valentinho” Alagoas e estava a poucos dias residindo em Bom Conselho, ele informou que tinha um relacionamento com a “Pati” e a mesma tinha-o deixado e ele com ciúme tentou matá-la. Possivelmente ele atirou em Antônia por pensar que ela estava acionado a polícia, e matou a mulher inocentemente.
Antônia Ferreira

Um filho de Antônia informou na 18ª DESEC que estava conversando com ela no telefone quando a mãe disse: “Vou desligar que tem um homem querendo fazer uma ligação”, e após alguns minutos a ligação foi retornada para ele informado que sua mãe tinha acabado de ser assassinada.
Policiais civis da 136ª Seccional foram ao local e tomaram as providências cabíveis, encaminhado o corpo para o IML de Caruaru/PE. O acusado foi conduzido juntamente com a arma citada para a 18ª DESEC onde foi autuado em flagrante delito.

Um comentário :